Secretaria de Turismo inicia cadastro cultural de artistas e grupos artísticos de Gravatá nesta terça (14)

0
203

A ação visa atualizar inventário cultural do município do Agreste pernambucano

Arte: Divulgação / SECOM

Mais Agreste, com SECOM

A Secretaria Municipal de Turismo, Cultura, Esportes e Lazer de Gravatá iniciou, nesta terça (14), o cadastramento cultural de artistas e grupos artísticos locais. A ação visa atualizar inventário cultural do município do Agreste pernambucano, através do fornecimentos de dados.

Na ocasião ainda, a iniciativa facilitará o processo de solicitação do auxílio emergencial para trabalhadores e trabalhadoras da cultura.

As inscrições serão realizadas pela internet (online), através de uma aba que ficará disponível no site da Prefeitura de Gravatá. Os interessados poderão ainda se inscrever presencialmente na sede da Secretaria de Turismo, localizada na Rua Rui Barbosa nº 150 (segundo andar), Centro, no horário de 8h às 13h.

“Quem tiver alguma dificuldade ou quiser esclarecer alguma dúvida, pode entrar em contato conosco através do telefone 3563-9047”, informou o secretário de Turismo, Darlan Rafael.

Segundo a Confederação Nacional dos Municípios (CNM), o valor estimado a ser creditado para o município de Gravatá é de aproximadamente R$ 606.000,56. O dinheiro será utilizado para efetuar o pagamento de auxílio emergencial dos trabalhadores do segmento. No mínimo, 20% deste recurso será aplicado em ações de investimento no setor cultural”, lembrou Darlan.

Sobre o Inventário Cultural

A Secretaria de Turismo esclarece ainda que o Inventário Cultural auxiliará como banco de informações, mas não será uma ferramenta automática de aprovação do auxílio. Para tanto, todos os cadastrados passarão por uma análise criteriosa de acordo com a LEI 14.017/20 – ALDIR BLANC.

Sobre a Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc

Sancionada no dia 29 de junho de 2020, a Lei de Emergência Cultural Aldir Blanc concede auxílio emergencial para artistas e produtores culturais dos estados, distrito federal e dos municípios, que se encontram impedidos de exercer as atividades profissionais em decorrência do isolamento social, motivado pela pandemia do COVID-19.

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui