GRAVATÁ: 150 alunos de escola municipal realizam passeio de bicicleta em referência ao Outubro Rosa

0
509

Os moradores ficaram admirados com a conscientização por parte dos alunos

Foto: Bruno Sant’Ana / SECOM

Mais Agreste, com SECOM

Na manhã desta sexta (25), 150 estudantes da Educação Infantil ao 5º Ano, da Escola Maria Alice da Veiga Pessoa, tomaram conta das ruas do bairro Maria Auxiliadora, no município de Gravatá, Agreste do estado. Enfeitados com fitas cor de rosa e andando de bicicleta, os jovens fizeram uma referência à campanha Outubro Rosa, que combate e previne os cânceres de mama e colo do útero.

A turma distribuiu panfletos alertando sobre os cuidados com a saúde feminina. Os moradores ficaram admirados com a conscientização por parte dos alunos. “É de extrema importância fazer com que os nossos alunos se familiarizem com essa temática, desde a Educação Infantil. Essa ação de hoje foi muito bonita de se ver, porque toda a escola se mobilizou. Isso torna as crianças conscientes e faz com que elas se engajem em causas como essa, podendo opinar e conscientizar as suas próprias famílias”, destacou a secretária de Educação, Íris Dias.

Para incentivar as turmas a participarem do passeio, foi realizado um concurso para decidir qual a bicicleta mais enfeitada. O vencedor foi o estudante do 3° Ano “A”, Marcos Vinícius, que foi aplaudido por todos os participantes pelo empenho. “Essa foi a primeira vez que participei de uma pedalada e achei tudo muito divertido. Também trouxe minha irmã comigo. É importante falar sobre esse tema, levar para as ruas e pra nossas mães. Fiquei muito feliz em saber que a minha bicicleta foi a mais enfeitada. Enfeitei o máximo que pude a minha bike”, afirmou.

A gestora da escola, Mônica Samico, comenta sobre a importância de envolver os parentes na atividade, que acompanharam as crianças durante todo o trajeto do passeio. “É importante que as mães estejam presentes nesta pedalada, pois elas também se conscientizam e agarram a ideia da campanha. Ao abordarmos esse assunto com nossos alunos, também os tornamos multiplicadores do Outubro Rosa, não nesse evento, mas na família e na própria comunidade onde eles estão inseridos”, explicou.

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui