Provável vazamento da redação pode levar à anulação do ENEM

0
1606

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, diz que o caso está sendo investigado pela Polícia Federal

Foto: WhatsApp / Reprodução

Mais Agreste

O provável vazamento de uma imagem da redação do Exame Nacional do Ensino Médio, realizado neste domingo (3), pode levar o Ministério da Educação (MEC) a anular as provas. O tema da redação deste ano foi publicado na internet e circulou nas redes sociais antes da aplicação do Enem.

De acordo com o ministro da Educação, Abraham Weintraub, o caso já está sendo investigado pela Polícia Federal. “Isso aparentemente aconteceu em Pernambuco e a gente já está chegando ao nome da pessoa”, afirmou em vídeo no Twitter.

Em contrapartida, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) destaca que a imagem foi veiculada somente após a adoção dos procedimentos de segurança e com todos os estudantes acomodados nas salas de aplicação. “A prova já havia sido distribuída para todo mundo e alguém tirou uma foto e colocou nas redes. Isso não compromete em nada, segue normal”, explicou.

O tema da redação de 2019 foi Democratização do acesso ao cinema no Brasil, fato que surpreendeu muitos alunos e professores, já que o presidente Bolsonaro afirmou, no dia 19 de julho, que iria extinguir a Agência Nacional do Cinema (Ancine) caso não usasse filtros nas produções nacionais. Um possível privatização do órgão cultural também foi cogitado.

Os locais de provas receberam 3,9 milhões de candidatos. A taxa de abstenção foi a menor da história do exame, com 23%. Apenas 376 pessoas foram eliminadas após se recusar a fazer a análise biométrica ou apresentar problemas de comportamento.

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui