Obras de quadras poliesportivas continuam nos distritos de Gravatá

0
100

As obras devem ser concluídas até o fim do ano, diz a Secretaria de Infraestrutura

Foto: Bruno Sant’Ana / SECOM

Correio Notícias, com SECOM

Uma dos projetos mais importantes dos distritos de Mandacaru, Uruçu-Mirim, Avencas e Russinhas, localizados na zona rural de Gravatá, no Agreste do estado, a construção das quadras poliesportivas continuam sendo realizadas nas escolas da rede municipal.

“A presença de uma quadra poliesportiva nas escolas é de fundamental importância para garantir que as aulas de educação física sejam ministradas com qualidade, e também para que a escola forneça uma infraestrutura mínima para o desenvolvimento de crianças e adolescentes. Com isso, a escola auxilia na prevenção da obesidade, promove a saúde mental de crianças e jovens, incentiva diversas atividades culturais como carnaval, quadrilhas e Natal Luz favorecendo o protagonismo juvenil e beneficiando a interação e integração social de toda uma comunidade”, explicou a secretária de Educação, Íris Dias.

As edificações contarão com banheiros, vestuários e uma estrutura adequada para a prática de diversos esportes, como futebol, basquete e vôlei, por exemplo. Além disso, as quadras contarão com uma cobertura e uma área total aproveitada de 60 metros de comprimento, por 40 metros de largura, conforme as medidas sugeridas pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

“Há um anseio muito grande dos alunos ao verem essa obra pronta, porque esse é um sonho deles e de nós, educadores, pois, depois de tudo finalizado, sabemos que iremos desenvolver um trabalho grandioso. Além da parte educativa e esportiva, eles terão várias outras experiências aqui. Nesse espaço, poderemos realizar eventos com a comunidade, para desfrutarmos de todas as possibilidades que o projeto irá nos proporcionar,” registrou a gestora da Escola Intermediária Dom Paulo Hipólito de Souza Libório (Distrito de Uruçu-Mirim), Márcia Campelo.

De acordo com a Secretaria de Infraestrutura, os serviços, que tiveram início entre os meses de janeiro e fevereiro, estão previstos para serem concluídos até o final do ano. Cerca de 900 mil reais estão sendo investidos em cada obra, beneficiando centenas de jovens e adolescentes das localidades.

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui