CARTA: Fundadores do PT de Teixeira-PB aderem ao grupo de Wenceslau Marques (PDT)

0
990

Correio Notícias

Um grupo de fundadores do Partido dos Trabalhadores (PT) da cidade de Teixeira, no Sertão da Paraíba, emitiu, no último dia 7, uma carta à população explicando o motivo de apoiar o candidato da oposição, Wenceslau Marques (PDT).

Confira, abaixo, a carta na íntegra:

A cidade de Teixeira, particularmente, respira política independente da época. É, claro, que em um período de eleições a temperatura política aumenta consideravelmente, os ânimos se afloram de forma avassaladora, e motivos não faltam para isto.

Como de costume em toda e qualquer eleição, existem as adesões de ambos os lados. E é neste sentido que vamos refletir aqui.

Atualmente, a cidade possui 03 (três) candidatos a Prefeito, porém a disputa mais acirrada e mais visível é entre 02 (dois), ou seja, entre os que representam “dois cordões” históricos nas disputas locais, o azul e o vermelho.

As eleições atuais tem uma particularidade jamais vista nas disputas locais: A grande onda de adesões em prol do candidato WENCESLAU MARQUES do “cordão” azul, principalmente de militantes históricos do PT local, militantes estes, referências em todas as campanhas passadas do “cordão” vermelho.

Portanto, importante deixar claro que algo de muito forte existiu para que estas pessoas debandassem do lado vermelho para o lado azul.

Alguns fundadores do PT no município de Teixeira, militantes históricos do partido desde o início dos anos 80, passando outros com mais de 20 anos de militância no partido, abandonaram o cordão vermelho e aderiram à campanha de WENCESLAU MARQUES e JARBAS, chapa majoritária do chamado “cordão” azul.

Destaque-se, ainda, que a debandada destes homens e mulheres históricos do “cordão” vermelho se deu em virtude de diversas razões e práticas contrárias a tudo aquilo que eles e elas sempre defenderam e acreditaram ser o melhor para o bem maior da coletividade teixeirense.

Importante destacar aqui a trajetória de vida destes militantes históricos, alguns professores de instituições federais, outros militantes sociais, outros defensores e fomentadores de projetos de convivência com a seca no semiárido nordestino, além daqueles que têm se destacado prestando assessorias aos agricultores e agricultoras familiares do município de Teixeira e região, além de professores e funcionários municipais. A título de exemplo, vamos destacar os seguintes nomes de alguns ex-filiados históricos do PT de Teixeira: Elenildo Queiroz (Professor de Instituição de Ensino Federal, ex-prefeito, aposentado, ex-filiado ao PT e hoje Advogado), José Rego Neto (Mobilizador Social/Agente Educador, fundador do PT), Tadeu Lucena (Engenheiro Eletricista, fundador do PT e funcionário Público Federal), Francisco de Assis Lima Júnior, conhecido por Japão (Engenheiro Agrônomo, Extensionista Rural, petista com mais de 20 anos de filiação), José Carlos Gomes (Engenheiro Agrônomo, Professor de Instituição de Ensino Federal, petista com mais de 20 anos de filiação), Aurilene Venâncio (Pedagoga, ex-vereadora do PT, mobilizadora social), Charles Chagas Costa (militante do PT com mais de 25 anos de filiação e funcionário público municipal) e Alexandre Nunes da Costa (Professor da rede municipal de ensino, poeta e ativista cultural). Outros nomes não menos importantes, mas que não constam nesta relação, também não mais participam ou defendem a política do “cordão” vermelho em nossa cidade.

Percebe-se, portanto, que são pessoas que gozam de certo prestígio e respeito na sociedade teixeirense e na política local, sobretudo no campo da política social e da luta pelo bem comum do povo teixeirense.

Ressalte-se que todas, literalmente todas as adesões a candidatura de Wenceslau e Jarbas, vêm se dando a partir do diálogo com os candidatos, onde foram apresentadas importantes ideias e projetos para Teixeira, principalmente, projetos voltados para construção coletiva de uma gestão democrática e participativa, uma gestão com uma visão de futuro e um olhar para o bem comum, sobretudo visando o desenvolvimento de ações e políticas públicas voltadas para o bem-estar social da maioria dos teixeirenses.

Por fim, importante enfatizar que nosso propósito aqui além de ser no sentido de somar ao projeto de Wenceslau e Jarbas, tem por finalidade, principalmente, levar ao conhecimento de todos os teixeirenses o nosso rompimento com os laços históricos que mantivemos com o “cordão” vermelho em nossa cidade, que não mais nos representa.

Vamos à luta com Wenceslau e Jarbas. Vamos a vitória da Democracia!

Apoiamos e votamos no 12 porque acreditamos ser a melhor opção para Teixeira.

Teixeira – PB, 07 de outubro de 2020

Subscrevem a presente carta:
José Carlos Gomes
José Rego Neto
Fernando Tadeu de Lucena
Francisco de Assis Lima Júnior (Japão)
José Elenildo Queiroz
Aurilene Venâncio
Charles Chaves Costa

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui