GRAVATÁ: Joaquim Neto (PSDB) desmente boatos do posto volante do distrito de Russinhas

0
113

O ex-prefeito também mencionou a prestação de contas apresentada sobre a saúde municipal, ao término do terceiro mandato

Joaquim Neto (PSDB), vereador Adeildo do Abacaxi (MDB) e representantes da USF de Russinhas. (Foto: Vanessa Bastos / ASCOM)

Igor da Nóbrega

O ex-prefeito de Gravatá, Joaquim Neto (PSDB), usou as redes sociais, na noite desta quinta (15), para desmentir boatos sobre a situação deixada pela gestão anterior em relação à Unidade de Saúde da Família Casa Nova (posto volante) do distrito de Russinhas. Imagens compartilhadas em grupos do WhatsApp revelavam um local completamente abandonado e sem condições de atender à população do Sítio Casa Nova e região.

“Mais um #TBT para relembrar à população o que fizemos durante a minha gestão, pois trabalhamos com TRANSPARÊNCIA. Ao contrário do que espalharam por aí, não tinha um PSF, mas sim um volante, uma unidade de apoio, pequena e com menos serviços, pois a população do referido local tinha à disposição o PSF de Russinhas, totalmente equipado, revitalizado, com ambulância e farmácia abastecida para atender à população”, explicou o ex-gestor.

Joaquim Neto (PSDB) e Adeildo do Abacaxi (MDB) na farmácia da USF de Russinhas. (Foto: Vanessa Bastos / ASCOM)

Ainda na postagem, Joaquim Neto relembrou a prestação de contas da saúde municipal. “Mostro como deixei nossos PSFs, CAF, Farmácia da Gente e almoxarifado central da Secretaria de Saúde”, concluiu.

A confusão começou quando um blogueiro e radialista da cidade compartilhou um áudio, no WhatsApp, informando que havia recebido fotos sobre a real situação do posto volante, antes da reinauguração. As imagens teriam sido enviadas pelo secretário Executivo de Saúde, Frailan Mota.

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui