Ministério da Saúde anuncia envio de 300 mil doses a mais de vacinas ao Maranhão

0
102

A medida visa frear o agravo da doença provocado pela nova cepa indiana, que foi diagnosticada em São Luís

Neste domingo (23), o ministro da Saúde, Marcelo Queiroga desembargou na capital maranhense para acompanhar a chegada de 600 mil testes rápidos de Covid-19. (Foto: Ministério da Saúde / Divulgação)

Correio Notícias

O Ministério da Saúde enviará ao Maranhão 300 mil doses a mais de vacinas – 5% em relação ao montante já previsto – contra o novo coronavírus. O anúncio foi feito pelo ministro Marcelo Queiroga, que desembargou, neste domingo (23), em São Luís para acompanhar o envio 600 mil de testes rápidos para identificar prováveis casos da variante indiana da Covid-19 na capital maranhense. A data da entrega não foi revelada.

“Ontem eu conversei com o prefeito Eduardo e ele fez um pleito muito justo, que era ampliar a cobertura de vacinas na capital e cidades da ilha e isso foi acatado pelo Programa Nacional de Imunização (PNI)”, informou o Queiroga.

Os imunizantes contemplados são da Pfizer e da AstraZeneca, que serão distribuídos às cidades de São Luís, Paço do Lumiar, Raposa e São José de Ribamar.

No aeroporto de São Luís, Marechal Hugo da Cunha Machado, o ministro foi recebido pelo prefeito da capital, Eduardo Braide, pelo secretário Municipal de Saúde, Joel Nunes e pelo secretário Estadual de Saúde e presidente do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass), Carlos Lula.

São Luís identifica variante indiana

Na última quinta (20), um paciente foi internado em São Luís com a variante da nova cepa, a B.1.617.2. Outros seis casos foram detectados entre 24 tripulantes do navio MV Shandong Da Zhi, que chegou da China e está em isolamento no Maranhão.

Deixar um comentário

Por favor, digite seu comentário
Por favor, coloque seu nome aqui